INVEPARFoi constituída sob a forma de sociedade anónima e tem como objeto social a participação em outras sociedades

IVPR

R$ 0.00 (0.00%)

Principais Acionistas

NomeOrd.Pref.
Bb Carteira Livre I Fundo de Investimentos em Ações25%25.84%
Oas Infraestrutura S.A.25%24.16%
Fundaçao Dos Economiários Federais - Funcef25%25%
Fundacao Petrobrás de Seguridade Social - Petros25%25%

Contatos

Endereço

Av Almirante Barroso 52 - Sl. 801/3001/3002 Rio de Janeiro RJ


Relacionamento com Investidores

Diretor: Erik Da Costa Breyer
Email: [email protected]
Site: www.invepar.com.br


Escriturador

ITAUBANCO - ACOES, email: [email protected]

Cotação

Ativo Realizável

Passivo Exigível

Destaques Financeiros

Receita e Lucro

2018201720162015201420132012
Receita Líquida4169606040394745631971573111948569252510332
Resultado Bruto155878501223819133205912630111043206549214
EBIT-7315840766525-1499838-34560029066055736
Resultado Financeiro-16571170-2269700-2111890-968145-232137-165203
Lucro Líquido-4340940-279466-1715551-47702416523718025
D&A000013410-69062-6559
EBITDA92553303036225612052635955453735214380
Margem Bruta0.373844675012459200.30296494048482550.236517375533361250.220377730771250780.214787339726267120.21878142014681723
Margem EBITDA0.2219713325431707500.75163870345495480.108674565263208910.1109652408194630.093420219583378370.08539906275345253
Margem Líquida-0.104109117264317060-0.06918376006381029-0.3046093454671553-0.083234007180796630.034020908290739510.007180325152210942

Distribuição de Lucro

2018201720162015201420132012
Lucro por Ação-1.01147007540847800.95322-2.2281-0.6120.2240.06
Total de Dividendos0000000
Payout0000000
Dividend Yield0000000

Dívida

2018201720162015201420132012
Patrimônio Líquido1791709025792553348636439712846270714013812
Dívida C.P.1264254013376842050031175203339968120477
Dívida C.P. em Real0013376842050031175203339968120477
Dívida C.P. Estrangeira0000000
Dívida L.P.3297252039169284679749553433539601172412068
Dívida L.P. em Real3297252039169284679749553433539601172412068
Dívida L.P. Estrangeira0000000
Caixa12053460762570642513126250219405581474421
Dívida Bruta4561506052546126729780570953843000852532545
Dívida Líquida3356160044920426087267444703623595271058124

Fluxo de Caixa

2018201720162015201420132012
Caixa Operacional231611602175778117504712005891222865677963
Caixa de Investimento-61705701391172-1429039-3168853-3607596-2167085
Caixa de Financiamento-14249480-358338211860889916227700152252323

Indicadores Fundamentalistas

LPALucro por Ação-1.011470075408478P/LPreço/Lucro
VPAValor Patrimonial por Ação4.174810150197996P/VPPreço/Valor Patrimonial
ROEReturn On Equity-24.22792987030818P/EBITPreço/Ebit
LCLiquidez Corrente0.4070793474273737PSRPrice Sales Ratio
DBPLDívida Bruta/Patrimônio Líquido4.639962181358691P/ATIVOSPreço/Ativos Totais
GAGiro do Ativo0.1633976985160049P/CGPreço/Capital de Giro
C5ACrescimento da Receita Líquida (5 anos)-27.246214918936424P/ACLPreço/Ativo Circulante Líquido

Balanço Anual

ContaDescrição20182017
1Ativo Total25518144
2Passivo Total25518144
6.01Caixa Líquido Atividades Operacionais2316116
6.01.01Caixa Gerado nas Operações2625508
6.01.01.01Resultado antes dos impostos-731585
6.01.01.02Participação dos não controladores0
6.01.01.03Depreciação e amortização1219631
6.01.01.04Baixa de imobilizado e intangível49214
6.01.01.05Margem de construção-2213
6.01.01.06Equivalencia patrimonial153
6.01.01.07Perda na alienação de ativo imobilizado0
6.01.01.08Apropriação de receita diferida-6111
6.01.01.09Provisão para manutenção28328
6.01.01.10Provisões diversas7931
6.01.01.11Variação monetárias, cambiais e encargos - líquidos1718420
6.01.01.12Outros93734
6.01.01.13Ajuste de operações de Hedge-1968
6.01.01.14Constituição de outorga variável235804
6.01.01.15Recebimento de dividendos e JCP14170
6.01.02Variações nos Ativos e Passivos-309392
6.01.02.01Contas a receber de clientes-16896
6.01.02.02Impostos a recuperar29683
6.01.02.04Outros créditos-3215
6.01.02.05Depósitos judiciais-8502
6.01.02.06Estoques-2772
6.01.02.07Adiantamentos7432
6.01.02.08Partes relacionadas-8682
6.01.02.09Imóveis destinados a venda0
6.01.02.10Fornecedores-3246
6.01.02.11Obrigações com empregados e administradores-8652
6.01.02.12Impostos pagos-62962
6.01.02.13Receita diferida0
6.01.02.14Impostos a recolher3543
6.01.02.15Concessão de serviço público0
6.01.02.16Outras obrigações e contas a pagar-235123
6.01.02.17(Aumento) redução de ativos operacionais0
6.01.02.18Aumento (redução) de passivos operacionais0
6.01.02.19Outros Créditos0
6.01.02.20Dividendos pagos0
6.01.03Outros0
6.02Caixa Líquido Atividades de Investimento-617057
6.02.01Incorporação líquida de controladas0
6.02.02Ágio na incorporação de controladas0
6.02.03Aquisição de investimentos e aporte em controladas-4500
6.02.04Captação de operações com partes relacionadas0
6.02.05Recebimento/captação de mútuo com partes relacionadas0
6.02.06Aporte acionista minoritário0
6.02.07Aquisição de intangível-466767
6.02.08Aquisição de imobilizado-86443
6.02.09Pagamento de outorga fixa0
6.02.10Aplicação financeira17504
6.02.11Mútuo com coligada-76851
6.02.12Part. dos Acionistas não Controladores0
6.03Caixa Líquido Atividades de Financiamento-1424948
6.03.01Aporte dos acionistas0
6.03.02Pagamento de outorga0
6.03.03Captação de empréstimos e debêntures753072
6.03.04Debêntures emitidas0
6.03.05Dividendos pagos0
6.03.06Participação de capital de não controladores0
6.03.07Aporte de capital de não controladores0
6.03.08Pagamento de empréstimos e debêntures-1940183
6.03.09Concessão-237837
6.04Variação Cambial s/ Caixa e Equivalentes0
6.05Aumento (Redução) de Caixa e Equivalentes274111
6.05.01Saldo Inicial de Caixa e Equivalentes835099
6.05.02Saldo Final de Caixa e Equivalentes1109210
2.01Passivo Circulante4386393
2.01.01Obrigações Sociais e Trabalhistas115867
2.01.01.01Obrigações Sociais0
2.01.01.02Obrigações Trabalhistas115867
2.01.02Fornecedores242860
2.01.02.01Fornecedores Nacionais242860
2.01.02.02Fornecedores Estrangeiros0
2.01.03Obrigações Fiscais82164
2.01.03.01Obrigações Fiscais Federais82164
2.01.03.01.01Imposto de Renda e Contribuição Social a Pagar82164
2.01.03.01.02Outros impostos0
2.01.03.01.03Outros0
2.01.03.02Obrigações Fiscais Estaduais0
2.01.03.03Obrigações Fiscais Municipais0
2.01.04Empréstimos e Financiamentos2246938
2.01.04.01Empréstimos e Financiamentos1264254
2.01.04.01.01Em Moeda Nacional1264254
2.01.04.01.02Em Moeda Estrangeira0
2.01.04.02Debêntures982684
2.01.04.03Financiamento por Arrendamento Financeiro0
2.01.05Outras Obrigações1692240
2.01.05.01Passivos com Partes Relacionadas601
2.01.05.01.01Débitos com Coligadas0
2.01.05.01.03Débitos com Controladores601
2.01.05.01.04Débitos com Outras Partes Relacionadas0
2.01.05.02Outros1691639
2.01.05.02.01Dividendos e JCP a Pagar0
2.01.05.02.02Dividendo Mínimo Obrigatório a Pagar0
2.01.05.02.03Obrigações por Pagamentos Baseados em Ações0
2.01.05.02.04Adiantamento de clientes40239
2.01.05.02.05Outros145119
2.01.05.02.06Concessão de serviço público1425890
2.01.05.02.07Instrumentos financeiros derivativos53849
2.01.05.02.08Receita diferida26542
2.01.06Provisões4071
2.01.06.01Provisões Fiscais Previdenciárias Trabalhistas e Cíveis0
2.01.06.01.01Provisões Fiscais0
2.01.06.01.02Provisões Previdenciárias e Trabalhistas0
2.01.06.01.03Provisões para Benefícios a Empregados0
2.01.06.01.04Provisões Cíveis0
2.01.06.01.05Concessões de serviços públicos0
2.01.06.02Outras Provisões4071
2.01.06.02.01Provisões para Garantias0
2.01.06.02.02Provisões para Reestruturação0
2.01.06.02.03Provisões para Passivos Ambientais e de Desativação0
2.01.06.02.04Concessões de serviços públicos0
2.01.06.02.05Provisão para manutenção4071
2.01.07Passivos sobre Ativos Não-Correntes a Venda e Descontinuados2253
2.01.07.01Passivos sobre Ativos Não-Correntes a Venda0
2.01.07.02Passivos sobre Ativos de Operações Descontinuadas2253
2.02Passivo Não Circulante19340042
2.02.01Empréstimos e Financiamentos7049208
2.02.01.01Empréstimos e Financiamentos3297252
2.02.01.01.01Em Moeda Nacional3297252
2.02.01.01.02Em Moeda Estrangeira0
2.02.01.02Debêntures3751956
2.02.01.03Financiamento por Arrendamento Financeiro0
2.02.02Outras Obrigações12019442
2.02.02.01Passivos com Partes Relacionadas0
2.02.02.01.01Débitos com Coligadas0
2.02.02.01.03Débitos com Controladores0
2.02.02.01.04Débitos com Outras Partes Relacionadas0
2.02.02.02Outros12019442
2.02.02.02.01Obrigações por Pagamentos Baseados em Ações0
2.02.02.02.02Adiantamento para Futuro Aumento de Capital0
2.02.02.02.03Fornecedores4836
2.02.02.02.04Outros27322
2.02.02.02.05Impostos a recolher5079
2.02.02.02.06Concessão de serviço público11762593
2.02.02.02.07Receita diferida195539
2.02.02.02.08Dividendos24073
2.02.03Tributos Diferidos46420
2.02.03.01Imposto de Renda e Contribuição Social Diferidos46420
2.02.04Provisões224972
2.02.04.01Provisões Fiscais Previdenciárias Trabalhistas e Cíveis103879
2.02.04.01.01Provisões Fiscais0
2.02.04.01.02Provisões Previdenciárias e Trabalhistas103879
2.02.04.01.03Provisões para Benefícios a Empregados0
2.02.04.01.04Provisões Cíveis0
2.02.04.02Outras Provisões121093
2.02.04.02.01Provisões para Garantias0
2.02.04.02.02Provisões para Reestruturação0
2.02.04.02.03Provisões para Passivos Ambientais e de Desativação0
2.02.04.02.04Provisão para manutenção121093
2.02.04.02.05Concessão de serviços públicos0
2.02.04.02.06Outras0
2.02.05Passivos sobre Ativos Não-Correntes a Venda e Descontinuados0
2.02.05.01Passivos sobre Ativos Não-Correntes a Venda0
2.02.05.02Passivos sobre Ativos de Operações Descontinuadas0
2.02.06Lucros e Receitas a Apropriar0
2.02.06.01Lucros a Apropriar0
2.02.06.02Receitas a Apropriar0
2.02.06.03Subvenções de Investimento a Apropriar0
2.03Patrimônio Líquido Consolidado1791709
2.03.01Capital Social Realizado3867919
2.03.02Reservas de Capital0
2.03.02.01Ágio na Emissão de Ações0
2.03.02.02Reserva Especial de Ágio na Incorporação0
2.03.02.03Alienação de Bônus de Subscrição0
2.03.02.04Opções Outorgadas0
2.03.02.05Ações em Tesouraria0
2.03.02.06Adiantamento para Futuro Aumento de Capital0
2.03.03Reservas de Reavaliação0
2.03.04Reservas de Lucros0
2.03.04.01Reserva Legal0
2.03.04.02Reserva Estatutária0
2.03.04.03Reserva para Contingências0
2.03.04.04Reserva de Lucros a Realizar0
2.03.04.05Reserva de Retenção de Lucros0
2.03.04.06Reserva Especial para Dividendos Não Distribuídos0
2.03.04.07Reserva de Incentivos Fiscais0
2.03.04.08Dividendo Adicional Proposto0
2.03.04.09Ações em Tesouraria0
2.03.05Lucros/Prejuízos Acumulados-1538306
2.03.06Ajustes de Avaliação Patrimonial0
2.03.07Ajustes Acumulados de Conversão0
2.03.08Outros Resultados Abrangentes0
2.03.09Participação dos Acionistas Não Controladores-537904
1.01Ativo Circulante1785610
1.01.01Caixa e Equivalentes de Caixa1109210
1.01.02Aplicações Financeiras96136
1.01.02.01Aplicações Financeiras Avaliadas a Valor Justo através do Resultado96136
1.01.02.01.01Títulos para Negociação96136
1.01.02.01.02Títulos Designados a Valor Justo0
1.01.02.02Aplicações Financeiras Avaliadas a Valor Justo através de Outros Resultados Abrangentes0
1.01.02.03Aplicações Financeiras Avaliadas ao Custo Amortizado0
1.01.03Contas a Receber365703
1.01.03.01Clientes365703
1.01.03.02Outras Contas a Receber0
1.01.04Estoques67180
1.01.05Ativos Biológicos0
1.01.06Tributos a Recuperar62848
1.01.06.01Tributos Correntes a Recuperar62848
1.01.07Despesas Antecipadas33804
1.01.08Outros Ativos Circulantes50729
1.01.08.01Ativos Não-Correntes a Venda44357
1.01.08.02Ativos de Operações Descontinuadas2942
1.01.08.03Outros3430
1.02Ativo Não Circulante23732534
1.02.01Ativo Realizável a Longo Prazo1251666
1.02.01.01Aplicações Financeiras Avaliadas a Valor Justo através do Resultado174648
1.02.01.01.01Títulos Designados a Valor Justo174648
1.02.01.02Aplicações Financeiras Avaliadas a Valor Justo através de Outros Resultados Abrangentes0
1.02.01.03Aplicações Financeiras Avaliadas ao Custo Amortizado0
1.02.01.04Contas a Receber35358
1.02.01.04.01Clientes35358
1.02.01.04.02Outras Contas a Receber0
1.02.01.05Estoques0
1.02.01.06Ativos Biológicos0
1.02.01.07Tributos Diferidos682314
1.02.01.07.01Imposto de Renda e Contribuição Social Diferidos285355
1.02.01.07.02Imposto a Recuperar396959
1.02.01.08Despesas Antecipadas0
1.02.01.09Créditos com Partes Relacionadas253250
1.02.01.09.01Créditos com Coligadas0
1.02.01.09.03Créditos com Controladores0
1.02.01.09.04Créditos com Outras Partes Relacionadas253250
1.02.01.10Outros Ativos Não Circulantes106096
1.02.01.10.01Ativos Não-Correntes a Venda106096
1.02.01.10.02Ativos de Operações Descontinuadas0
1.02.02Investimentos337958
1.02.02.01Participações Societárias337958
1.02.02.01.01Participações em Coligadas0
1.02.02.01.04Participações em Controladas em Conjunto0
1.02.02.01.05Outros Investimentos337958
1.02.02.02Propriedades para Investimento0
1.02.03Imobilizado1099334
1.02.03.01Imobilizado em Operação1099334
1.02.03.02Direito de Uso em Arrendamento0
1.02.03.03Imobilizado em Andamento0
1.02.04Intangível21043576
1.02.04.01Intangíveis21043576
1.02.04.01.01Contrato de Concessão21043576
1.02.04.02Goodwill0
3.01Receita de Venda de Bens e/ou Serviços4169606
3.01.01Receita de Serviços3946077
3.01.02Receita de Construção223529
3.02Custo dos Bens e/ou Serviços Vendidos-2610821
3.02.01Custo de Serviços-2389505
3.02.02Custo de Construção-221316
3.03Resultado Bruto1558785
3.04Despesas/Receitas Operacionais-633252
3.04.01Despesas com Vendas0
3.04.02Despesas Gerais e Administrativas-556814
3.04.03Perdas pela Não Recuperabilidade de Ativos0
3.04.04Outras Receitas Operacionais-76285
3.04.05Outras Despesas Operacionais0
3.04.06Resultado de Equivalência Patrimonial-153
3.05Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos925533
3.06Resultado Financeiro-1657117
3.06.01Receitas Financeiras260304
3.06.02Despesas Financeiras-1917421
3.07Resultado Antes dos Tributos sobre o Lucro-731584
3.08Imposto de Renda e Contribuição Social sobre o Lucro297490
3.08.01Corrente-66742
3.08.02Diferido364232
3.09Resultado Líquido das Operações Continuadas-434094
3.10Resultado Líquido de Operações Descontinuadas-108
3.10.01Lucro/Prejuízo Líquido das Operações Descontinuadas-108
3.10.02Ganhos/Perdas Líquidas sobre Ativos de Operações Descontinuadas0
3.11Lucro/Prejuízo Consolidado do Período-434202
3.11.01Atribuído a Sócios da Empresa Controladora-323956
3.11.02Atribuído a Sócios Não Controladores-110246
3.99Lucro por Ação - (Reais / Ação)0
3.99.01Lucro Básico por Ação0
3.99.01.01ON-75500
3.99.01.02PN-75500
3.99.02Lucro Diluído por Ação0
3.99.02.01ON-75400
3.99.02.02PN-75400

Últimos proventos

AçãoProventoAprovaçãoData-comPagamentoValor

Histórico de Proventos (0)

AçãoProventoAprovaçãoData-comCotaçãoValorYield

Bonificação, Desdobramento e Grupamento

AçãoTipoAprovaçãoData-comFator

INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ/MF nº: 03.758.318/0001 - 24 NIRE nº : 33.3.002.6.520 - 1 CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES S.A – CART CNPJ/MF nº: 10.531.501/0001 - 58 NIRE nº : 35.3.0036387 - 6 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR (“Invepar” ou “Companhia” ) e a CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES S.A. - CART, (“CART” ou “Controlada” ) , em atendimento à s disposições da Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358, de 3 de janeiro de 2002, conforme a lterada, informam ao mercado em geral que a Invepar contratou assessor financeiro para a busca de potenciais investidores para aquisição de até 100% da participação da Invepar na sua Controlada CART . A CART é uma subsidiária integral da Invepar e detém, até 2039, os direitos da concessão do corredor rodoviário Raposo Tavares, formado pelas rodovias SP - 225 João Baptista Cabral Rennó, SP - 327 O rlando Quagliato e SP - 270 Raposo Tavares , localizadas no Estado de São Paulo . A Invepar esclarece, ainda, que as discussões acerca da potencial venda das ações da CART encontram - se em estágio inicial podendo, a qualquer momento, serem suspensas ou cancelad as pela Companhia. Portanto, não há no momento qualquer contrato, acordo ou termo de compra e venda das ações da CART firmado pela Invepar, ainda que sob condições suspensivas , bem como não foi concedida exclusividade ou direito de preferência nesta operaç ão para qualquer investidor ou grupo de investidores . Este Fato Relevante tem caráter meramente informativo e não representa uma oferta de venda nem uma solicitação de oferta para compra de quaisquer bens, direitos, valores mobiliários ou instrumentos financeiros relacionados a Invepar ou a CART. No interesse de seus acionistas e em linha com as melhores práticas de governança corporativa, a Companhia e a sua Controlada manterão o mercado oportunamente atualizado sobre informações relevantes relacionadas ao progresso deste tema. Rio de Janeiro, 10 de maio de 201 9 . INVESTIMENTOS E PARTICIPACÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR Enio Stein Junior Diretor Vice - Presidente Administrativo - Financeiro e de Relações com Investidores CONCESSIONÁRIA AUTO RAPOSO TAVARES S.A – CART João Garcia Couri Neto Diretor de Relações com Investidores



1 INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF: 03.758.318/0001 - 24 NIRE: 33.3.002.6.520 - 1 ATA DAS ASSEMBLEIAS GERAIS ORDINÁRIA E EXTRAORDINÁRIA REALIZADAS EM 2 9 DE ABRIL DE 201 9 1 - Data, Hora e Local : Dia 2 9 de abril de 201 9 , às 1 4 h, na sede social da Investimentos e Participações em Infraestrutura S.A. – INVEPAR (“Companhia”), na Av. Almirante Barroso, nº 52, salas 801, 3001 e 3002, Centro, Rio de Janeiro - RJ. 2 - Convocação : Conforme anúncios publicados no Jornal Valor Econômico - Rio de Janeiro, edições dos dias 29 . 03 . 19 (p. E91 ), 30 . 03 . 19 (p. E5 ) e 02 . 04 . 19 (p. E4 ) e no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro, edições dos dias 29 . 03 . 19 (p. 288 ) , 01 . 04 . 19 (p. 27 ) e 02 . 04 . 19 (p. 18 ) . 3 - Presença : Acionistas representando a totalidade do capital social da Companhia, conforme registros lavrados no Livro de Presença de Acionistas assinado e arquivado na sede da Companhia, estando presentes, como convidados, o Sr. Eduardo de Abreu e Lima , Diretor Jurídico , o Sr. Sidney Passeri , membro do Conselho Fiscal da Companhia, e a Sra. Letícia Torres Rosina , também convidada para secretariar a reunião. 4 - Mesa : Presidente : Eduardo de Abreu e Lima ; e Secretária : Letícia Torres Rosina . 5 - Ordem do Dia : (i) Em Assembleia Geral Ordinária : (a) Tomada de contas da administração e exame, discussão e aprovação do Relatório da Administração e das Demonstrações Financeiras da Companhia, relativos ao exercício social de 201 8 ; (b) Deliberação sobre a destinação do Resultado apurado pela Companhia no exercício social de 201 8 ; (c) Eleição dos membros do Conselho Fiscal; e (ii) Em Assembleia Geral Extraordinária : (a) Fixação da remuneração glo bal anual dos administradores e do Conselho Fiscal ; (b) Ratifi cação da nomeação de membro titular do Conselho de Administração da Companhia; (c) Eleição de membros para o Conselho de Administração e ( d ) Eleição de Presidente e Vice - Presidente para o Conselho de Administração. 6 - Assuntos e Deliberações : Os acionistas d eclararam ter recebido previamente os documentos e informações de que tratam a Instrução CVM n° 481/09 e o artigo 133 da Lei n ° 6.404/76 . Foram adotadas as seguintes deliberações, bem como foi aprovada por unanimidade a lavratura da presente ata sob a forma de 2 sumário e a sua publicação com a omissão das assinaturas dos acionistas, na forma do art. 130 da Lei n° 6.404/76: 6.1. - Em Assembleia Geral Ordinária : (a) Tomada de contas da administração e exame, discussão e aprov ação do Relatório da Administração e das Demonstrações Financeiras da Companhia, relativos ao exercício social de 201 8 : Após exame e discussão, foram aprovados por unanimidade dos acionistas presentes , sem ressalvas: (i) o Relatório da Administração; e (ii ) as Demonstrações Financeiras da Companhia relativas ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 201 8 , acompanhadas das Notas Explicativas e do Relatório dos Auditores Independentes, conforme publicações realizadas nas edições de 29 de março de 201 9 do Valor Econômico, Edição do Rio de Janeiro (p. E115 a E125 ) e do Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro (p. 94 a 108 ) . (b) Deliberação sobre a destinação do Resultado apurado pela Companhia no exercício social de 201 8 : Após exame e discussão das Demo nstrações Financeiras e da proposta apresentada pela Administração, os acionistas , por unanimidade, aprovaram que o prejuízo do exercício findo em 31 de dezembro de 201 8 apurado pela INVEPAR, no montante líquido de R$ 323.9...



  INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto, em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada, à Instrução CVM nº 476, de 16 de janeiro de 2009, conforme alterada (“Instrução CVM 476”), e às disposições do parágrafo 4º do artigo 157 da Lei nº 6.404, de 15 de dezembro de 1976, confor me alterada (“Lei das S.A.”), informa ao mercado que:  No dia 27 de fevereiro de 2019, em Assembleia Geral Extraordinária, foi aprovado pela unanimidade dos acionistas presentes a realização da 5ª emissão de debêntures (“5ª Emissão”) conversíveis em ações, da espécie quirografária, com garantia real adicional, em série única, para distribuição pública, com esforços restritos, sob regime de melhores esforços de colocação, nos termos da Instrução CVM 476, mediante a emissão de 137.000 (cento e trinta e sete mil) debêntures da Companhia, com valor nominal unitário de R$10.000,00 (dez mil reais), totalizando o valor nominal de R$ 1.370.000,00 (um bilhão trezentos e setenta mil reais);  Na data de hoje, 11 de abril de 2019, foram emitidas pela Companhia as 137.000 (cento e trinta e sete mil) debêntures no âmbito da 5ª Emissão, com vencimento em 11 de abril de 2021;  Os recursos obtidos com a 5ª Emissão serão utilizados para: (i) o pagamento das obrigações relativas às Debêntures da 4ª Emissão e demais documentos acessórios a ela relativos; e (ii) despesas operacionais da Companhia e aportes de capital, via aumento do capital social, concessão de mútuos, dívida subordinada e/ou adiantamentos para futuro aumento de capital – AFAC em suas subsidiárias; As condições gerais e prazos da Emissão estão divulgados na ata da AGE, a qual se encontra arquivada na sede da Companhia, e pode ser visualizada na rede mundial de computadores, nas páginas da CVM (www.cvm.gov.br), da B3 S.A. – Brasil, Bols a, Balcão (www.b3.com.br) e da Companhia (http://ri.invepar.com.br). Este fato relevante tem caráter exclusivamente informat ivo, nos termos da legislação em vigor, e não deve ser interpretado como um material publicitár io da Emissão ou de venda das Debêntures. Rio de Janeiro, 11 de abril de 2019. Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto, em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358 de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada, informa ao mercado que foi proferida decisão pela 10.ª Vara Federal de Brasília, após procedimentos de auditorias realizadas pela Companhia e com a concordância do Ministério Público Federal, no âmbito da Operação Greenfield, revogando as medidas cautelares que haviam sido impostas à Companhia, encerrando a participação da Companhia na Operação Greenfield. Em linha com as melhores práticas de governança corporativa, a Companhia manterá o mercado e o público em geral devida e oportunamente atualizados sobre informações relevantes relacionadas a este tema. Rio de Janeiro, 13 de março de 2019 Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores da Invepar INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR Corporate Taxpayer ID (CNPJ): 03.758.318/0001-24 Company Registry (NIRE): 33.3.002.6.520-1 MATERIAL FACT INVESTIMENTOS E PARTICIPACÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR, (“INVEPAR” or “Company”), in compliance with CVM Instruction 358, of January 3, 2002, as amended, hereby informs the market that it has been handed down a decision by the 10th Federal Court of Brasilia, after procedures of audits carried out by the company and with the agreement of the Office of Federal Public Prosecutions, under Operation Greenfield, revoking the precautionary measures that had been imposed on the company, ending the company's participation in Operation Greenfield. In line with the best corporate governance practices, the company will keep the market and the general public opportunely updated on relevant information. Rio de Janeiro, March 13, 2019 Enio Stein Júnior Investor Relations Officer



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001 - 24 NIRE nº 33.3.002.6.520 - 1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto , em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358 de 03 de janeiro de 2002, conforme a lterada , informa ao mercado que na data de hoje, 11 de fevereiro de 2019, a a gência de c lassificação de r iscos S&P Global Ratings revisou os ratings da Companhia , passando de ‘B’ para ‘ CCC+ ’ na Escala Global e de ‘brA - ’ para ‘br BB - ’ na Escala Nacional Brasil. Também foram rebaixados os ratings da 3ª e 4ª emissões de debêntures da Invepar (“Debêntures”) de ‘brA - ’ para ‘brBB - ’ . Ação semelhante foi aplicada pela mesma agência para as controladas Concessionária Auto Raposo Tavares S.A. - CAR T (“CART”) e Metr ôB arra S.A. (“Metr ô Barra”) , que tiveram seus ratings de Emissor rebaixados de ‘brA - ’ para ‘br BB - ’ , respectivamente, em Escala Nacional Brasil . Os rating s da Companhia e das suas controladas CART e Metr ô Barra permanecem em CreditWatch negat ivo. Como consequência do rebaixamento, a Invepar iniciou os procedimentos aplicáveis e previstos na s escritura s da s emiss ões visando a minimizar impactos frente aos debenturistas, de forma a não ser declarado o vencimento antecipado das Deb ê ntures. E m linha com as melhores práticas de governança corporativa, a Companhia mante rá o mercado e o público em geral devida e oportunamente atualizados sobre informações relevantes relacionadas a este tema. Rio de Janeiro, 11 de fevereiro de 2019 Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores da Invepar



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto, em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358 de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada, e em continuidade ao Fato Relevante pulicado na data de hoje, 01 de fevereiro de 2019, informa ao mercado que a sua controlada Linha Amarela S.A. - LAMSA (“LAMSA”) obteve neste mesmo dia decisão judicial favorável restabelecendo o direito de cobrança da tarifa de pedágio na Linha Amarela no sentido Barra da Tijuca – Ilha do Governador, conforme previsto no contrato de concessão. Essa decisão confere segurança jurídica e regulatória, mantendo integras as disposições do contrato de concessão. A LAMSA cumpre rigorosamente seu contrato de concessão há 21 anos e reforça seu compromisso com a ética, a transparência e a integridade em todas as suas relações, seja com o Poder Concedente, seus usuários ou fornecedores. A Invepar e a LAMSA, em linha com as melhores práticas de governança corporativa, manterão o mercado e o público em geral devida e oportunamente atualizados sobre informações relevantes relacionadas a este tema. Rio de Janeiro, 01 de fevereiro de 2019 Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores da Invepar



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto, em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358 de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada, e como acionista controladora da Linha Amarela S.A. - LAMSA (“LAMSA”), informa ao mercado que a Prefeitura do Município do Rio de Janeiro, na figura de Poder Concedente, por meio de decreto datado de hoje, 01 de fevereiro de 2019, suspendeu a cobrança da tarifa de pedágio no sentido Barra da Tijuca – Ilha do Governador da única praça de pedágio da Linha Amarela, administrada pela LAMSA. A decisão da Prefeitura do Rio de Janeiro é unilateral, não encontra respaldo no contrato de concessão, fere a segurança jurídica nas relações institucionais e compromete os recursos destinados à manutenção da via e novos investimentos, trazendo impactos negativos para a cidade do Rio de Janeiro e sua população. A Companhia informa que continuará, em conjunto com a LAMSA, utilizando de todos os procedimentos legais cabíveis para contestar judicialmente a decisão da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, em busca do restabelecimento do direito de cobrança da tarifa de pedágio na Linha Amarela. A LAMSA cumpre rigorosamente seu contrato de concessão há 21 anos e reforça seu compromisso com a ética, a transparência e a integridade em todas as suas relações, seja com o Poder Concedente, usuários ou fornecedores. A Invepar e a LAMSA, em linha com as melhores práticas de governança corporativa, manterão o mercado e o público em geral devida e oportunamente atualizados sobre informações relevantes relacionadas a este tema. Rio de Janeiro, 01 de fevereiro de 2019 Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores da Invepar



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001 - 24 NIRE nº 33.3.002.6.520 - 1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto , em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 03 de janeiro de 2002, conforme a lterada (“In strução CVM 358”), informa ao mercado que , como acionista controladora da Linha Amarela S.A. - LAMSA (“LAMSA”), iniciou em conjunto com a LAMSA o s procedimentos legais para contestar de forma judicial a decisão unilateral da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, Poder Concedente, por meio de decreto datado de hoje, 20 de dezembro de 2018, de suspender a cobrança d a tarifa de pedágio no sentido Barra da Tijuca – Ilha do Governador da única praça de pedágio da Linha Amarela, uma das mais importantes vias ex pressas da cidade do Rio de Janeiro , administrada pela LAMSA. A Companhia informa que a decisão tomada de maneira unilateral pela Prefeitura do Município do Rio de Janeiro fere cláusulas do contrato de concessão , e já está tomando as medidas legais para q ue tal deliberação seja revertida . A LAMSA cumpre rigorosamente seu contrato de concessão há 21 anos e reforça seu compromisso com a ética, a transparência e a integridade em toda s as suas relações, seja com o Poder C oncedente, seus usuários ou fornecedore s . A Invepar e a LAMSA, em linha com as melhores práticas de governança corporativa, manterão o mercado e o público em geral devida e oportunamente atualizados sobre informações relevantes relacionadas a este tema. Rio de Janeiro, 20 de dezembro de 2018 . Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores da Invepar



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima de capital aberto em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada (“Instrução CVM 358”), comunica ao mercado que recebeu e aceitou em 08 de novembro de 2018 proposta vinculante de Mubadala Consultoria Financeira Ltda. (“Mubadala”) para postergar por 90 dias o prazo de pagamento relativo à 3ª e 4ª emissões de debêntures da Invepar. A proposta mencionada foi aprovada pelo Conselho de Administração da Companhia na data de hoje e os seus termos e condições serão refletidos em aditamento à escritura de emissão das referidas debêntures, que será divulgado ao mercado pelos meios e prazos legais estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários – CVM. Rio de Janeiro, 08 de novembro de 2018. Enio Stein Júnior Diretor de Relações com Investidores



INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR CNPJ nº 03.758.318/0001-24 NIRE nº 33.3.002.6.520-1 FATO RELEVANTE INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. - INVEPAR , sociedade anônima com sede na Av. Almirante Barroso, nº 52, salas 801, 3001 e 3002, Centro, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 03.758.318/0001-24 (“Invepar” ou “Companhia”), em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 03 de janeiro de 2002, conforme alterada (“Instrução CVM 358”), comunica ao mercado em geral esclarecimento prestado por acionista sobre notícia veiculada no jornal Valor Econômico no dia 16 de agosto de 2018 intitulada “ Mubadala faz nova proposta por controle da Invepar ”. A Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (“PREVI”), na qualidade de único cotista do BB Carteira Livre I Fundo de Investimentos em Ações, acionista da Companhia, em correspondência datada de 16 agosto de 2018, informou à Companhia que: “A PREVI confirma que recebeu em 15 de agosto de 2018 uma oferta vinculante de Mubadala Consultoria Financeira Ltda. (“Mubadala”) para a aquisição do controle acionário da Investimentos e Participações em Infraestrutura S.A. (“Invepar”) (a “Oferta Vinculante”). Os termos da Oferta Vinculante foram considerados insatisfatórios pela PREVI. A Oferta Vinculante foi rejeitada pela PREVI em 16 de agosto de 2018 por meio de comunicado de seus assessores financeiros, o Banco BTG Pactual S.A., à Mubadala.” A Companhia aguarda esclarecimentos dos demais acionistas que, em linha com as melhores práticas de governança corporativa, serão oportunamente informados ao mercado, assim como eventuais informações relevantes relacionadas ao progresso deste tema. Rio de Janeiro, 17 de agosto de 2018. Enio Stein Júnior Diretor Vice-Presidente Administrativo-Financeiro e de Relações com Investidores da Invepar